Bem-vindo (a) ! Hoje é

728x90 AdSpace

Procurar no site. Empresas, classificados, hotéis, pousadas, pessoas e notícias.

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Ex. vereador João Alves diz que jornal " Ação Popular" não que tem credibilidade e quer desqualificar vereadores da oposição em Uauá.


O ex. vereador e ex. Presidente da Câmara Municipal de Uauá, João Alves (PSC), comentou em uma rede social, em discussão com outros membros, sobre uma matéria publicada no Jornal " Ação Popular”, que é mentirosa e equivocada.
De acordo com João Alves a câmara tem um conjunto de 11 Edis muito responsáveis, citando entre eles Vereador Carlinhos De Moisés Gonçalves ( Carlinhos de Moisés ), Antonio Barbosa,  Miroval  e o presidente da Câmara Jairo R. Costa.

“Ainda de acordo com o ex.vereador o projeto qual se refere nesta publicação chegou à secretaria da câmara no mesmo dia e hora da sessão.” com muita habilidade foi requerido pelo vereador Jerônimo de Oséas para que o projeto entrasse na pauta e fosse publicado o presidente preocupado com os munícipes e a situação em que se encontra o município colou em votação o requerimento e todos os vereadores votam a favor do requerimento, quando já estava publicado o vereador Jerônimo de Oséas requereu mais uma vez que o projeto fosse dispensado todos os prazos regimentais, mais uma vez colocado em votação e todos os vereadores votaram a favor. Quando isso acontece, espera-se 05 dias para que o projeto receba as emendas e os pareceres das comissões pertinentes tudo isso dentro do normal e é claro cumprindo o que manda o regimento Interno e Lei Orgânica da Casa de Leis”. Afirmou.


“O que acho mais deselegante é pessoas fazerem certo tipo de postagem como essa em um Jornal que não tem credibilidade”. “Ação Popular” para tentar desqualificar os nossos vereadores que estão se empenhando o máximo para que as coisas andem no caminho da legalidade e da transparência, conheço muito bem o bom trabalho (..). Disse João Alves. 

Desenhador por

Adailton Santana.

Agencia UAUNET: Temas UAU

  • Comente com seu blog
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Item Reviewed: Ex. vereador João Alves diz que jornal " Ação Popular" não que tem credibilidade e quer desqualificar vereadores da oposição em Uauá. Rating: 5 Reviewed By: Adailton Santana