Bem-vindo (a) ! Hoje é

728x90 AdSpace

Procurar no site. Empresas, classificados, hotéis, pousadas, pessoas e notícias.

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Polícia Federal prende pessoas ligadas ao Estado Islâmico no Brasil

(Foto: AFP) 
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (21) uma operação sigilosa de combate ao terrorismo no Brasil. O foco são cerca de 10 pessoas que estariam ligadas ao Estado Islâmico (EI). O ministro Alexandre de Moraes convocou uma entrevista coletiva, em Brasília, para dar detalhes da operação. Os suspeitos juraram lealdade ao EI.Segundo o jornal O Globo, o grupo preso já estava com ações terroristas prontas para serem realizadas durante a Olimpíada no Rio de Janeiro. Ainda de acordo com a publicação, as pessoas foram presas em São Paulo e no Paraná. Entre os suspeitos detidos está um adolescente que teria sido recrutado pela internet.
A PF monitorou mensagens trocadas pelo grupo no Facebook e Twitter e descobriu que, além do plano do atentado terrorista na Olimpíada, eles também planejavam comprar armas.
Com a proximidade do evento internacional, a PF decidiu prender os suspeitos que estavam sendo monitorados. Os nomes dos presos não foram divulgados. Eles ficarão presos preventivamente por tempo indeterminado.
Grupo do Telegram
Um grupo extremista muçulmano brasileiro declarou lealdade aos terroristas do Estado Islâmico.De acordo com a agência de notícias Ansa, o grupo criou um canal aberto na rede social Telegram, chamado "Ansar al-Khilafah Brazil", onde escreveu: "Se a polícia francesa não consegue deter ataques dentro do seu território, o treinamento dado à polícia brasileira não servirá em nada".
Os extremistas se referem aos treinamentos em conjunto da polícia francesa com agentes brasileiros para a segurança dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A Olimpíada começará no mês de agosto e tem o terrorismo como uma das suas principais preocupações. 
Segundo o Intel Group, este seria o primeiro grupo na América do Sul a declarar de modo formal lealdade ao EI. Há poucos dias, o grupo terrorista lançou uma versão em português do canal "Nashir", página do califado também no Telegram.

Desenhador por

Adailton Santana.

Agencia UAUNET: Temas UAU

  • Comente com seu blog
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Item Reviewed: Polícia Federal prende pessoas ligadas ao Estado Islâmico no Brasil Rating: 5 Reviewed By: Adailton Santana