Bem-vindo (a) ! Hoje é

728x90 AdSpace

Procurar no site. Empresas, classificados, hotéis, pousadas, pessoas e notícias.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Justiça Eleitoral incentiva inscrição de mesários com conhecimento em Libras‏

A fim de garantir o amplo acesso dos eleitores surdos ou com deficiência auditiva às seções nas eleições municipais de 2016, assim como a eliminação de barreiras comunicacionais impostas a esse segmento, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) incentiva cidadãos com conhecimento em Língua Brasileira de Sinais (Libras) a se inscreverem para atuar voluntariamente como mesários.
Podem se inscrever os estudantes dos cursos de Fonoaudiologia e Licenciatura, das diversas áreas do conhecimento, que já tenham cursado a disciplina Libras, os intérpretes, professores de surdos, assim como qualquer cidadão regularmente quite com a Justiça Eleitoral que possua conhecimentos básicos da língua de sinais. Os interessados em trabalhar como mesários nas seções eleitorais podem fazer sua inscrição acessando o site do Tribunal (www.tre-ba.jus.br), clicando no banner do projeto “Mesário Voluntário”, para preencher a ficha de inscrição.
Outra opção é a inscrição presencial, diretamente no cartório eleitoral no qual o interessado esteja cadastrado como eleitor. Os que pretendem trabalhar nas mesas receptoras de votos podem, ainda, esclarecer dúvidas pelo e-mail mesariovoluntario@tre-ba.jus.br.
Benefícios
Para os que vão atuar como mesário, vale lembrar que os dias de serviços prestados serão recompensados com benefícios como: folga no trabalho em período equivalente ao dobro dos dias prestados à Justiça Eleitoral; auxílio-alimentação para o dia da eleição; vantagem de desempate em concursos públicos da Justiça Eleitoral e em outros concursos públicos, caso previsto em edital. O incentivo do TRE-BA atende a uma das ações do planejamento estratégico do Programa de Acessibilidade, presente na Resolução 23.381/2012, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que prevê a implementação gradual de medidas para a remoção de barreiras físicas, arquitetônicas, atitudinais e de comunicação diante do exercício do direito ao voto. Dessa forma, visa garantir o voto das pessoas com deficiência auditiva ou com mobilidade reduzida.
Matéria: Andréa Araújo

Desenhador por

Adailton Santana.

Agencia UAUNET: Temas UAU

  • Comente com seu blog
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Item Reviewed: Justiça Eleitoral incentiva inscrição de mesários com conhecimento em Libras‏ Rating: 5 Reviewed By: Adailton Santana