Bem-vindo (a) ! Hoje é

728x90 AdSpace

Procurar no site. Empresas, classificados, hotéis, pousadas, pessoas e notícias.

construindo
quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Concessão de empréstimo a micro e pequeno empresário cai 10%, aponta pesquisa do SEBRAE

Concessão de empréstimo a micro e pequeno empresário cai 10%, 
As taxas de juros aplicadas atualmente e o excesso de burocracia são os dois principais problemas apontados por 6.886 empreendedores que participaram de recente pesquisa do SEBRAE que mostrou o afastamento em 2016 das micro e pequenas empresas das instituições financeiras responsáveis por concessão de empréstimos.
Conforme a pesquisa, 83% dos pequenos empresários não recorreram a empréstimos bancários. Esse número é 10% maior que o de 2015. Para 47% dos empresários, a redução nas taxas de juros seria a melhor solução para facilitar a aquisição de financiamentos. A diminuição da burocracia é apontada como sugestão para 27% dos pesquisados. 

A pesquisa apontou ainda que os empresários optaram utilizar, em substituição aos empréstimos bancários, negociação de maior prazo com os fornecedores (52%), cheque pré-datado (27%), cheque especial (20%) e cartão de crédito empresarial (21%). Porém, mesmo essas estratégias registraram diminuição quando comparada a 2015.

Outro ponto apresentado na pesquisa é que 19% dos empreendedores que afirmaram ter buscado empréstimos bancários em 2016 tiveram seus pedidos negado pelas instituições financeiras. O número é 5% superior ao ano anterior.

Dos empresários que conseguiram empréstimo, 51% reclamaram das altas taxas de juros. Entre os empreendedores que conseguiram financiamento, 53% utilizaram para capital de giro e 36% aplicaram na compra de mercadoria.

BAHIA
Presidente da Frente Parlamentar da Micro, Pequena e Média Empresa, o deputado estadual Eduardo Salles lamentou o cenário. “Sabemos que a crise econômica tem sido cruel com o setor, responsável por empregar grande parte do trabalhador brasileiro”, disse. Para ajudar esses empresários, vamos apresentar agora ao governador Rui Costa a minuta da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.
Entre outros pontos, o texto trata de juros mais baixos e menor burocracia nas instituições financeiras administradas pelo governo estadual para concessão de empréstimos aos micro e pequenos empresários baianos.

“Precisamos fazer que o microempreendedor individual, o micro e pequeno possa ter acesso acredito e ter a capacidade de desenvolver o seu negócio. Tenho certeza que teremos, muito em breve, uma legislação que ajude o setor a se desenvolver e ajudar a economia baiana e brasileira sair da crise”, declarou Eduardo Salles.

A Lei Geral Estadual das Micro e Pequenas Empresas regula também as taxas, incentivos e benefícios fiscais diferenciados, simplifica os processos de abertura, alteração e baixa da empresa, regulamenta o parcelamento de débitos relativos aos tributos estaduais, dá preferência nas aquisições de bens e serviços nas licitações promovidas pelo governo estadual e permite a dupla visita da fiscalização orientadora

Desenhador por

Adailton Santana.

Agencia UAUNET: Temas UAU

  • Comente com seu blog
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Item Reviewed: Concessão de empréstimo a micro e pequeno empresário cai 10%, aponta pesquisa do SEBRAE Rating: 5 Reviewed By: Adailton Santana