Bem-vindo (a) ! Hoje é

728x90 AdSpace

Procurar no site. Empresas, classificados, hotéis, pousadas, pessoas e notícias.

segunda-feira, 5 de junho de 2017

Prefeitura de Jaguarari é investigada pelo Ministério Público e a Câmara Municipal demonstra estarrecimento e preocupação

A Câmara Municipal de Jaguarari, na última quinta-feira (02), demonstrou estarrecimento e preocupação correspondente a publicação realizada pelo Tribunal de Justiça do Estado da Bahia – TJBA, no Diário Oficial, na edição 1.915, que abre investigação, através do Ministério Público, para apurar eventuais irregularidades realizadas pela prefeitura.

Entre as anormalidades citadas, constaram a contratação de empresas responsáveis pela locação de veículos para o transporte escolar, a contratação de artistas e o não fornecimento de equipamentos para a proteção individual dos servidores públicos municipais, além de acompanhar o impacto da situação de emergência do município, que foi decretada pelo prefeito.

Foi manifestado, na Câmara, o desejo de que eventuais dúvidas sejam esclarecidas. Entretanto, caso sejam confirmadas as irregularidades, que os responsáveis sejam punidos de acordo com a lei. O Poder Legislativo garantiu, ainda, que não se fará omisso no dever de fiscalizar e apurar o que lhe compete para que as medidas de suas responsabilidades sejam asseguradas, com a finalidade de preservar os recursos financeiros do município.
O compromisso dos vereadores é com o cumprimento dos deveres do Poder Executivo para a promoção do bem dos jaguararienses. O repudio da Câmara Municipal é para todo e qualquer ato que não corresponda com os princípios morais e éticos que regem a administração pública.

Ao site ivansilvanoticia, o prefeito Everton Rocha disse: ... “Já falei e volto a repetir, o nosso governo estará sempre à disposição do Ministério Público, feliz do gestor que recebe o olhar do Ministério Público, porque quando o gestor passa a ser acompanhado pelo Ministério Público eu acredito que os erros serão mínimos.  ...” (http://ivansilvanoticia.com.br/2017/06/jaguarari-feliz-do-gestor-que-recebe-o-olhar-do-mp-afirma-prefeito/)



Fonte: Sessão da Câmara de 01 de junho, site Ivansilvanoticia e blogdoklebervieira

Desenhador por

Adailton Santana.

Agencia UAUNET: Temas UAU

  • Comente com seu blog
  • Comente com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Regras do site
Não serão aceitos comentários que:
1. Excedam 500 caracteres com espaço;
2. Configurem crime de calúnia, injúria ou difamação;
Art. 140 - Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.
Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.
É qualquer ofensa à dignidade de alguém. Na injúria, ao contrário da calúnia ou difamação, não se atribui um fato, mas uma opinião. O uso de palavras fortes como "ladrão", "idiota", "corrupto" e expressões de baixo calão em geral representam crime. A injúria pode fazer com que a pena seja ainda maior caso seja praticada com elementos referentes a raça, cor, etnia, religião ou origem.
3. Sejam agressivos ou ofensivos, mesmo que de um comentarista para outro; ou contenham palavrões, insultos;
4. Não tenham relação com a nota publicada pelo site.
Atenção: só serão disponibilizados no site os comentários que respeitarem as regras acima expostas.

Item Reviewed: Prefeitura de Jaguarari é investigada pelo Ministério Público e a Câmara Municipal demonstra estarrecimento e preocupação Rating: 5 Reviewed By: Adailton Santana